Sony diz, “Adeus PSP, foi bom enquanto tudo durou”

Ontem, 3 de junho, a Sony anunciou que não vai mais produzir o PSP no Japão, depois de quase dez anos de vendas.

O console foi lançado no país em dezembro de 2004 e o seu objetivo era tomar o lugar dos consoles portáteis da Nintendo, um setor do mercado que a dona do Mario dominou por muito tempo. Durante sua existência, o PSP ganhou espaço no Japão com as séries Monster Hunter e God Eater, chegando a vender mais de 80 milhões de unidades pelo mundo.

Mesmo depois do lançamento do PS Vita em 2012, o PSP se manteve popular no Japão, reforçado por jogos como God Eater 2, lançado em 2013 também para PS Vita. As pessoas ainda amam o PSP!

Segundo o Degenki Online, a Sony vai parar de entregar o console no Japão a partir deste mês.

O fim desse caso de amor parece um pouco forçado, como se fosse um jeito de obrigar os jogadores a migrarem para o PS Vita. Pelo menos, é isso que a Sony dá a entender lançando simultaneamente uma promoção para os novos compradores do PS Vita.

Ainda não sabemos se a decisão também afetará o resto do mundo. Mas se estiver enrolando até agora para decidir se vai ou não vai comprar um PSP, acredito que você não tem muito mais tempo pra ficar pensando.

Via Kotaku


Passa o Controle